terça-feira, 20 de novembro de 2012

"A amizade é um amor que nunca morre."


Atualmente, amizade tem sido uma palavra simples, onde seu significado é escondido atrás de opiniões e necessidades pessoais. É algo como o amor.. tem sido distorcido demais em meio a tanta coisa que acontece no meio das pessoas. Hoje em dia, é mais fácil você ver alguém sendo (ou tentando ser) "amigo" de outra por interesse, do que realmente essa pessoa é. Não se têm amizades mais por gosto ou amor, mas por interesse. 

Em todo caso, há também a caracterização do sentimento forte e verdadeiro. Uma amizade verdadeira é algo muito legal. É pura,  é unica. Uma amizade verdadeira não se compra, não se vende e não se troca. Um amigo é como se fosse um irmão. Te entende nos melhores e nos piores momentos, quando ninguém mais está do seu lado, essa pessoa está, como se fosse um anjo divino capaz de enxugar todas as lágrimas, todas as tristezas. Quem tem amigo, tem um tesouro vitálicio, que leva em toda e qualquer situação. 

Amizade é uma das coisas mais nobres que existem. Não compreende status social, não tem a ver diretamente com cor, etnia, gostos, profissão e opiniões. Amizade é feita com o coração e mesmo em meio a diferenças, então, é possivel estabelecer uma espécie de amor. Um amor à um outro alguém equivalente a de um namorado, mas de certo modo,  até mais forte. Há um ditado que diz que namorados vêm e vão, mas amigos sempre continuam. Uma grande amizade é construida por anos, enquanto pode ser destruida em questões de segundos. 

Quem tem amigos, é feliz. A felicidade não é um estado que é obtido sozinho e tãopouco se aproveita solitário. Quando se tem amigos, tem alguem pra compartilhar todos os momentos, as tristezas e alegrias de maneira uniforme. Finalmente, minha consideração final sobre amizade é a questão de saber dar valor à isso. Nem sempre temos amigos que vão estar do nosso lado. Não importa a quantidade de amigos que você tem, mas a qualidade deles. Seja feliz, mas saiba aproveitar essa felicidade ao lado de alguém..

- Mario Quintana

domingo, 4 de novembro de 2012

SEJA UM IDIOTA

A idiotice é vital para a felicidade.
Gente chata essa que quer ser séria, profunda e visceral sempre. Putz! A vida já é um caos, por que fazermos dela, ainda por cima, um tratado? Deixe a seriedade para as horas em que ela é inevitável: mortes, separações, dores e afins.
No dia-a-dia, pelo amor de Deus, seja idiota! Ria dos próprios defeitos. E de quem acha defeitos em você. Ignor
e o que o boçal do seu chefe disse. Pense assim: quem tem que carregar aquela cara feia, todos os dias, inseparavelmente, é ele. Pobre dele.

Milhares de casamentos acabaram-se não pela falta de amor, dinheiro, sexo, sincronia, mas pela ausência de idiotice. Trate seu amor como seu melhor amigo, e pronto.

Quem disse que é bom dividirmos a vida com alguém que tem conselho pra tudo,soluções sensatas, mas não consegue rir quando tropeça?

hahahahahahahahaha!...

Alguém que sabe resolver uma crise familiar, mas não tem a menor idéia de como preencher as horas livres de um fim de semana? Quanto tempo faz que você não vai ao cinema?

É bem comum gente que fica perdida quando se acabam os problemas. E daí,o que elas farão se já não têm por que se desesperar?

Desaprenderam a brincar. Eu não quero alguém assim comigo. Você quer? Espero que não.

Tudo que é mais difícil é mais gostoso, mas... a realidade já é dura; piora se for densa.

Dura, densa, e bem ruim.
Brincar é legal. Entendeu?
Esqueça o que te falaram sobre ser adulto, tudo aquilo de não brincar com comida, não falar besteira, não ser imaturo, não chorar, não andar descalço,não tomar chuva.
Pule corda!
Adultos podem (e devem) contar piadas, passear no parque, rir alto e lamber a tampa do iogurte.
Ser adulto não é perder os prazeres da vida - e esse é o único "não" realmente aceitável.
Teste a teoria. Uma semaninha, para começar.
Veja e sinta as coisas como se elas fossem o que realmente são:
passageiras. Acorde de manhã e decida entre duas coisas: ficar de mau humor e transmitir isso adiante ou sorrir...
Bom mesmo é ter problema na cabeça, sorriso na boca e paz no coração!
Aliás, entregue os problemas nas mãos de Deus e que tal um cafezinho gostoso agora?
A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso cante, chore,dance e viva intensamente antes que a cortina se feche!

- Arnaldo Jabor

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

A história de Alice II

(...)

            Nos casamos no ano seguinte, em 22 de Novembro de 1981. Eu já havia terminado o meu curso e estava trabalhando muito. Otávio estava no seu último ano de Direito.
            Em Junho de 1985 descobri que estava grávida do nosso primeiro filho, e para a alegria de Otávio seria um menino.
            Pietro nasceu em 17 de março de 1986. Nosso primeiro dos 3 que tivemos; três anos mais tarde veio a Ana Clara (89) e um ano depois a Gabrielly. Não poderíamos reclamar, Deus nos havia dado uma segunda chance e nós nos agarramos a ela e fomos uma família muito unida e feliz.

(...)

domingo, 9 de setembro de 2012

A história De Alice

Prazer,
             Sou Alice tenho 52 anos. Nasci e vive minha vida inteira em São Paulo.
Tive uma vida cheia de altos e baixos, mas uma vida muito FELIZ e não tenho do que reclamar. Comecei a namorar muito cedo; aos meus 12 anos apenas. Ele foi uma benção na minha vida desde o nosso primeiro encontro. Foi um presente divino de Deus. E estamos juntos todos esses anos, há quase 40 anos. Claro que como todo casal jovem, tivemos nossas brigas e nossas idas e vindas.
             Chegamos a ficar alguns anos separados, ele chegou a se casar com outra, antes de finalmente nos casarmos (...)
             Aos meus 16 anos, eu não estava mais aguentando todas as mentiras e traições dele. Brigamos feio e acabamos terminando. Cada um foi pro seu lado, o reencontrei dois anos depois, eu com meus 18 anos e ele com 21. Ficamos amigos, ele me contou que havia se casado com a menina com quem ele havia me traído  porém não deu certo, não tiveram filhos. Ele trabalhava em uma empresa muito conceituada naquela época. Eu ainda estudava e estava no meu primeiro ano de Jornalismo (...)
            Nos víamos quase todos os dias, e foi assim durante meses, até começarmos falar de nós e o que éramos.
            Ele dizia o quanto foi imaturo me trair e ter me deixado, e que todos os anos que passaram ele nunca havia me esquecido. - "Eu nunca te esqueci, Ali" - "Eu também nunca consegui te esquecer, Otávio. Eu tentei e como eu tentei.." Nos beijamos..
Se passaram dois anos depois daquele beijo, que nos fez reacender a chama que havíamos deixado apagar. E no dia 9 de Janeiro de 1980, Otávio me propôs casamento. Foi um dos dias mais felizes da minha vida.

(...)

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Há certas horas, em que não precisamos de um amor, não precisamos da paixão desmedida, não queremos beijo na boca e nem corpos a se encontrar na maciez de uma cama. Há certas horas, que só queremos a mão no ombro, o abraço apertado ou mesmo o estar ali, quietinho, ao lado, sem nada dizer…
William Shakespeare.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Je t'aime





Te amo. Só isso. Tudo isso. E é essa minha resposta quando você me pergunta por que eu ainda estou aqui. É simples, sem enrolação, sem respostas complexas e filosóficas: só te amo. E te amar já basta. E te amar me revigora e me dá forças pra aguentar o resto.
Iolanda Valentim

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Te quero.


Te quero, te quero molhado, com o cabelo despenteado, com a cara de sono, sorriso malicioso, com olhar sincero. Te quero sorrindo, bravo, nervoso, emburrado, feliz, chateado, triste. Te quero lindo, te quero feio. Te quero desarrumado, te quero perfumado. Te quero na sala, na rua, no meu quarto, tento faz. Te quero aqui do meu lado pra transformar  eu e você em nós.

(via: Awaysme.tumblr.com)

domingo, 10 de junho de 2012

Who is Thais Vizzotto?


Atualizado em 13.06.2016


Vamos a minha apresentação, apesar que eu tenho esse blog a muito tempo. Pode ser que quem vá lê-lo já me conheça. De qualquer modo, eu gosto de falar de mim, então vou escrever do mesmo jeito.

#np Ed Sheeran - Thinking Out Loud

Tipica canceriana, super ligada a família e amigos. Sempre disposta a ajudar, mesmo se a situação for difícil,estarei ali nem que seja para te ouvir falar ou chorar. Me entrego fácil e sem pensar, já me ferrei muito por isso..
Apaixonada por livros e filmes românticos, escrever e inglês. Acho que devo ser uma das pessoas mais indecisas do mundo.
Sou muito ciumenta, e achava que conseguia disfarçar com toda a minha ironia, mas olha só.. descobri que não dava muito certo.
E que quando eu não gosto de algo ou de alguém, fica ESTAMPADO na minha cara que aquela situação não esta me agradando. Eu era mais paciente, muito mais.
Sou tímida ao extremo. Mas adoro falar, falo muito, quando as pessoas me dão oportunidade pra isso. Quando começam a me conhecer, acho que até se assustam um pouco, por eu ter esse jeito de ser quietinha e calma.
Sou muito carente, preciso de atenção o tempo todo, se possível 24hrs por dia. Até porque como o significado do meu nome diz "Luz que deve ser contemplada" então, por favor :D
Pareço ser durona, mas não.
Não confio nos homens, desculpa sociedade mas para mim "Todo homem é igual" faz todo sentido. Mas de qualquer modo, ainda tenho alguma esperança de algo bom acontecer.
Talvez até acredite ainda em Príncipe encantado, ele só deve ter se distraído nesse mundão cheio de novinha. Mas quando ele se der conta vem ao meu encontro. Aii, sou uma iludida.
Não consigo ficar sem comer doces, chocolate. Branco de preferência, mesmo que chocolate branco não seja chocolate de verdade e seja pura gordura.
Tinha uma certa dificuldade em deixar o meu cabelo com uma cor só, mas aprendi a não ser tão ansiosa e parei de pintá-lo a um tempo. Acho que fico muito bem de loiro e olha a ironia, NÃO GOSTO DE LOIRAS.
Por último, mas não menos importante
Um dia eu caso , tenho 3 filhos e saio do Brasil.

segunda-feira, 4 de junho de 2012

"O amor é a força mais poderosa do Universo - e que, quando duas pessoas se amam, nem a distância nem o tempo podem separá-las."
- Nicholas Sparks

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Ontem chorei. Por tudo que fomos. Por tudo o que não conseguimos ser. Por tudo que se perdeu. Por termos nos perdido. Pelo que queríamos que fosse e não foi. Pela renúncia. Por valores não dados. Por erros cometidos. Acertos não comemorados. Palavras dissipadas.Versos brancos. Chorei pela guerra cotidiana. Pelas tentativas de sobrevivência. Pelos apelos de paz não atendidos. Pelo amor derramado. Pelo amor ofendido e aprisionado. Pelo amor perdido. Pelo respeito empoeirado em cima da estante. Pelo carinho esquecido junto das cartas envelhecidas no guarda- roupa. Pelos sonhos desafinados, estremecidos e adiados. Pela culpa. Toda a culpa. Minha. Sua. Nossa culpa. Por tudo que foi e voou. E não volta mais, pois que hoje é já outro dia. Chorei. Apronto agora os meus pés na estrada. Ponho-me a caminhar sob sol e vento. Vou ali ser feliz e já volto.
Caio Fernando Abreu 

terça-feira, 29 de maio de 2012

segunda-feira, 16 de abril de 2012

oh broken angel (♪'



Você mostrou a ele o seu melhor
Mas eu tenho medo que o seu melhor
Não era bom o suficiente
E sei que ele nunca quis você
Pelo menos não da maneira
Que você queria mesmo ser amada
E você sente como se você fosse um erro
Ele não vale todas essas lágrimas que não vão embora

Eu queria que você pudesse ver que
Ainda que você tente impressioná-lo
Ele nunca vai ouvir

Oh anjo ferido,
Você estava triste quando ele esmagou todos os seus sonhos?
Oh anjo ferido,
Você está morrendo por dentro porque você não pode acreditar.

E agora que você cresceu
Com essa noção de que você foi culpada
E você parece tão forte as vezes,
Mas eu sei que você ainda sente o mesmo
Como aquela menina que brilhava como um anjo
Mesmo após seu coração preguiçosos colocá-la no inferno

Eu queria que você pudesse ver que
Ainda que você tente impressioná-lo
Ele nunca vai ouvir

Oh anjo ferido
Você estava triste quando ele esmagou todos os seus sonhos?
Oh anjo ferido
Você está morrendo por dentro porque você não pode acreditar.
Ele iria deixá-la sozinha
E deixaria você tão fria
Quando você era filha dele,
Mas o sangue em suas veias,
Assim como você leva o nome dele,
Se torna mais fino que a água
Você é apenas um anjo quebrado...

E eu prometo que não é sua culpa
Nunca foi sua culpa
E eu prometo que não é sua culpa
Nunca foi sua culpa...

sexta-feira, 13 de abril de 2012

last letter.

(...)
O romance foi uma coisa rápida, desde a primeira vez em que vi seus olhos. Quando beijei a sua boca, descobri o que realmente é AMAR; um sentimento ÚNICO.Enfim um sentimento INCOMPARÁVEL, e graças á você posso descrever este sentimento. Pois você  é quem deu sentido ao MEU AMOR e LUZ A MINHA VIDA.
(...)

quinta-feira, 12 de abril de 2012

Vacía.


Diga-me, quando falhei com você?
Diga-me, quando menti pra você?
Diga-me, como foi
que se extinguiu esse fogo em você?
Sinto- me vazia,
fria e com muita dor.
Sinto que estou em um abismo e ninguém se aproxima para me deter.
Por que, se sabem que você está mal,
se empenham em fazer que se sinta pior ?
Por que as pessoas a quem você dá tudo
fazem pouco de seu amor ?
Por que as pessoas que gostam de você e dão seu amorvocê faz sofrere deposita seu amor em quem faz você chorar?É preciso enxergar além, ser forte e evitaras pessoas para as quais não importa sua dor,
porque sem seu amor, hoje não seriam o que são.
Que mal-agradecido sã, se levaram consigo parte de seu coração.


Dulce Amargo. 

De dónde vienen las lágrimas ?



Não sei de onde vêm as lágrimas. Materialmente pensaríamos: são simples gotas de água que temos no corpo? Não, vêm da alma, da dor que sentem sua alma e seu coração quando seu amor cansa de esperar, quando sua alma chora por dentro e faz um mar imenso que sai pelo seu reflexo, pelos olhos, que são o espelho da alma. Ajude-me a aguentar tanta dor, tanta mentira, tanta desilusão, tantos sonhos rasgados, ilusões pisoteadas, amores frustrados, carícias perdidas, olhares vazios, abraços com facas, que doem. E cada "gosto de você" entra como uma espada atravessando meu coração. E sangrando por dentro e por fora, devo ter um sorriso materializado a falsa alegria.
Porque poucas coisas fazem a gente sorrir com a alma vazia.

Com a mala cheia




Não que eu queira voltar com você, mas é verdade que nada é o mesmo sem você.
E ainda não entendo por que você se foi,
também não entendo POR QUE VOCÊ CHEGOU,
apenas olho sua foto
com vontade de ter você de novo ao meu lado..
Onde você está?
Você deixou minha alma confusa e meu olhar perdido.
Vivo sorrindo dia a dia
com a tristeza contida.
Não que eu queira que você volte pra mim,mas é verdade que eu não posso viver sem você.
Dulce Maria. 

sexta-feira, 30 de março de 2012

Mi compañía es la NOSTALGIA




Esta noite, calada, minha companhia é a saudade e meu amigo um cigarro que cedo ou tarde se acaba.
Se eu pudesse correr para os seus braços e dizer: Amo você! Mas tenho que ser forte, aceitar que você foi embora para NÃO MAIS VOLTAR.
Cómo pudiste olvidar los momentos que pasamos juntos?A paixão que dei a você se apagou como o fogo.
Nosso amor acabou e não consigo entender. Essa noite fria me congela sua partida.
Não foi fácil querer você, pero más duro es perderte.Diga-me, de onde tiro a força para estar tão leve como você está?
Dónde quedaron las promesas que hicimos?Hoje não sobrou nada em você, você não sente nada por mim,
Y yo, sigo amándote aquí.

- Dulce Maria

terça-feira, 27 de março de 2012

sexta-feira, 9 de março de 2012

A mulher de Câncer na cama



Gosta de ser beijada e acariciada nos seios e no ventre. Tem vergonha de expressar as suas necessidades. Mas quanto mais segura ela se sentir em relação ao afeto de seu parceiro, mais desinibida se torna, pois não consegue separar o sexo do envolvimento afetivo. Cuidado com o que diz. Se seus sentimentos forem feridos, ela perde a vontade na hora. #fikdik

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012






E aí, você vai dizer pros teus amigos que já esqueceu. Vai declarar pra meio mundo que já não sente mais nada. E pra provar isso, vai deletar as SMS e o número do celular dele da sua agenda. Vai deletar a música de vocês do seu computador e vai evitar ouvir. Vai parar de escrever coisas pra ele. Não vai mais andar na rua tendo aquela ponta de esperança achando que vai encontrá-lo. Vai sorrir e não se importar quando falarem dele. Vai lembrar a todos, todos os dias que ele não te afeta mais. Não vai procurar, não vai ligar. Vai esquecer tudo o que vier dele; os textos, apelidos carinhosos, momentos, risadas, brigas. Vai deletar as fotos dele do seu celular. Vai parar de esperar alguma ligação ou SMS de madrugada. Não vai mais pensar nele antes de dormir ou ao acordar. Vai ser indiferente quando algum amigo dele perguntar se você sente falta. Não vai mais arrepiar ao ouvir a voz dele ou esperar ansioso pra que ele diga que sentiu sua faltaVocê vai desapegar. Vai parar de sentir, literalmente. Vai convencer a ele e a todos de que você já superou. E vai continuar assim, até que você consiga convencer a pessoa mais importante disso tudo. 

Você.
(via c-amouflage)